Daily stories

A vida de um agente multifacetado

1º dia de estágio

Bem, este primeiro dia foi, no mínimo fantástico.

Juntamente com o Dr. Rui e a Cristiana estivemos horas a fio, no LIP*, em volta do microscópio invertido a optimizar o sistema, tirando centenas de fotografias às leveduras. Chegamos a um ponto tal que pudemos mesmo distinguir os organelos no seu interior. A dada altura decidiu-se seguir, em tempo real, um fenómeno de buddying de uma das células. Foi até possível observar a transferência de material entre “mãe” e “filha”.
No entanto, depois houve uma complicação. O servidor com o qual deveria começar a trabalhar sofreu uma sobrecarga eléctrica e estava desligado há algum tempo. Quando o ligamos, não funcionava correctamente e, após passarmos bastante tempo a tentar descobrir o problema, desistimos, estando agora à espera do técnico de informática.

* – Laboratório de Instalações Piloto, Departamento de Engenharia Biológica da Universidade do Minho

Comments are closed.